Sinopse: Samantha Rousseau é uma garota que está acostumada a sujar as mãos. Ela faz mestrado em biologia da vida selvagem enquanto ajuda a cuidar de seu pai doente. Logo, não tem tempo para fofocas de celebridades, roupas da moda ou férias em algum paraíso do Caribe. Quando a duquesa do pequeno país da Lilaria a convida para jantar, Samantha pensa que é para discutir uma doação para sua pesquisa universitária. Mas a verdade mudará o curso de sua vida de uma maneira que ela nunca sonhou. Alex D’Lynsal, príncipe da Lilaria, já rendeu muitas manchetes escandalosas à imprensa. Mas as últimas fotos divulgadas o levaram a fugir para a América e desistir de vez das mulheres. Isto é, até ele conhecer Samantha! Ela é teimosa, determinada e incrivelmente sexy. Sem mencionar que é herdeira de um Estado inteiro, o que a coloca constantemente na primeira página de qualquer jornal. Enquanto Sam aprende a viver em um mundo de política e riqueza, ela também precisa se esquivar de seus sentimentos crescentes por Alex. Afinal, se entregar a eles significaria mais do que apenas se apaixonar; significaria aceitar o peso de uma nação sobre seus ombros.


Aviso: Esse livro contém alto teor de fofura.

Pois é, eu amo livros florzinhas, ou seja, aqueles livros “puro amor”, doces, românticos. Sim, sou uma romântica literária, porque na minha vida amorosa, nem tanto (leia-se uma ogra). Mas o fato é que amo esse estilo de livro, os romances florzinhas.

Há tempo li a sinopse de De Repente, e pensei: já li isso em algum lugar. Sim, já tinha lido Simplesmente Ana, da autora nacional Marina Carvalho, que diga-se de passagem que adoro, e também tem um livro muito famoso com um assunto parecido da Meg Cabot, O diário de uma Princesa. Mas vou dizer aqui: Não achei NADA parecido.


Os dois primeiros livros tratam de mocinhas que se descobrem princesas. Aqui, no caso de De repente, a mocinha, não é uma princesa, ela é Duquesa Rousseau da Lilaria. Então, é um pouco diferente.

Vou começar do começo... Era uma vez...

Samantha Rousseau é uma estudante de pós-graduação, bióloga de animais, especializando em aves de rapina, e tudo ia bem, até um cara do estilo armário, chegar nela e dizer que a Duquesa Rose Sverelle de Dollange, gostaria de se encontrar com ela, no melhor restaurante da cidade.

“— Quem é a sua patroa?— A Duquesa Rose Sverelle de Dollange.(...)— Acho que você está falando com a Samantha errada. Não tem porquê uma duquesa estar procurando por mim.
— Você é Samantha Rousseau, bióloga de animais selvagens, especialista em aves de rapina? Estudante de pós-graduação, filha de Martha Rousseau?”

Sam, achou que a tal duquesa gostaria de fazer uma doação para a faculdade, mas quando ela chega no restaurante e a Duquesa diz na lata que ela é nada menos do que Duquesa Rousseau, faz parte da realeza de Lilaria (pequeno país europeu), e que tem um estado inteiro para administrar, Samantha quase cai da cadeira, e não tem reação. Mas no fundo ela sabe que sua decisão está tomada, porque seu pai precisa de cuidados, que agora como Duquesa ela poderia oferecer.

A parte mais intrigante e excitante disso, é que ela conheceu o famoso Príncipe Alex da Lilaria, o príncipe encantando dos sonhos de todas as garotas. Loiro, com olhos azuis, simpático e galante, Alex está interessadíssimo na mulher magnifica que conheceu. Depois de alguns escândalos, ele só quer saber da normalidade que Samantha poderia trazer para sua vida.

Mas a Samantha é bicho xucro, apesar de querer cair nas garras do príncipe gostosinho (apelido que a melhor amiga de Sam deu ao Alex, não foi eu!), ela segura fortemente e não entrega seu pobre coração ao príncipe. Pelo menos por enquanto, eles decidem que a amizade é a única coisa que ela pode oferecer. Mas HELLO!!!! Quem não sabe que isso ia dar erradíssimo?

“— Tem alguma coisa aqui, Samantha. Negue se quiser, mas não acho que vai conseguir fazer isso por muito tempo. (...) — Pode fingir o quanto quiser. Isso não torna as coisas menos verdadeiras.” 

Enfim, só quero deixar claro, que esse é o tipo de livro que adoro. A leitura é envolvente, rápida, e quando vê o livro já acabou. Além de ser mega fofo, o livro tem uma coisa do tipo contos de fadas, sabe? A mocinha pobre que acaba com o príncipe encantado? Me apaixonei por esse livro de verdade!

Florzinhas de plantão, leiam e não vão se arrepender!!

#SouPrincesa hahhahahaa

Próximo livro se trata de outros personagens, então, pode ler sem problemas!

Capas gringas:

Até a próxima!!! 



Deixe um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...