Certa vez escutei que duas almas destinadas a ficarem juntas serão guiadas até que se encontrem. Mas no mundo é muito mais fácil encontrar a crueldade do que o amor. Posso afirmar, pois estou marcada, ferida e certa de que nem o tempo é capaz de curar velhas feridas. Não sou cética, apenas ciente de que não posso me arriscar. Não posso colocar em risco meu bem mais precioso. Aprendi a sobreviver sozinha e é deste modo que pretendo seguir até o fim. Mas, o que fazer quando nossas convicções são colocadas à prova? Uma coisa é certa. Não podemos fugir do que estamos destinados.



Oi gente!

Hoje é o lançamento da segunda edição de Minhas para proteger. Um dos meus livros preferidos da vida. Já li pela segunda vez e parece que fica melhor a cada vez.

Viviane é uma jovem marcada por traumas. Uma mulher que foi machucada intensamente, que depois de muitos anos tenta se reerguer e ter uma vida digna junto com sua maior riqueza, Julia!

Quando surge uma oportunidade de um emprego, onde poderá morar em uma fazenda junto com sua filha, Vivi tenta de todas as formas e consegue. Mesmo com todos os medos e receios, se muda para a fazenda, onde ficará responsável por cuidar da casa e cozinhar para os peões.

Romão é o dono da fazenda. Um homem do campo, apaixonado pela terra e animais. Há quatro anos tem tido um sonho estranho. Nele, precisa proteger uma criança, sua mãe está desesperada por proteção. E assim, como que por encanto, quando volta de uma viagem, encontra tudo que sonhou, um pacote completo, com tudo que jamais esperou ter. Uma mulher e uma filha!
“― Vocês são minhas. Minhas para proteger, minhas para amar, minhas e somente minhas.”

O primeiro livro gira em torno de Ellery, que sempre imaginou que seu futuro estaria ao lado de seu namorado perfeito e seus felizes para sempre estava garantido. Entretanto, quando ele faz suas malas e pede espaço, ela vê seu mundo ruir e decide focar somente em suas pinturas e desistir de relacionamentos, até que em uma noite ajuda um homem completamente bêbado a chegar a sua casa em segurança. Um homem que logo estará disposto a brigar por um futuro ao lado de Ellery e apoiá-la quando seu mundo estilhaçar novamente.


Oi gente, tudo bem com vocês?

Vou contar um pouquinho sobre o livro que tenho certeza que já ouviu falar, porque não é um lançamento. Black para sempre é daqueles romances fofos, que terminamos com sorrisinho bobo no rosto.

Ellery é uma mulher independente, que acabou de sair um relacionamento conveniente, boa companhia e só. O cara, em questão, foi embora sem olhar para trás, e para sair da deprê, a amiga da Ellery a leva para sair, em uma boate badaladérrima.

Enquanto está curtindo a balada, Ellery vê um cara gato tendo uma briga feia e enchendo cara. E quando sai para tomar um ar, dá de cara com o boy caindo de bêbado. Ela é daquelas mocinhas super boazinha que não consegue deixar ninguém na mão, e coloca o cara em taxi e sai rumo a casa dele.

Um passado a ser esquecido. Um presente nada promissor. Um futuro a ser conquistado.
“O PARAÍSO À BEIRA-MAR.”
“O SEGREDO MAIS BEM GUARDADO DA NOVA INGLATERRA.”
A ilha de Seashell, onde passei minha vida inteira, é tudo isso e muito mais. No entanto, a única coisa que eu quero é ir embora daqui.
Gwen Castle nunca quis tanto dizer adeus à sua ilha natal quanto agora: o verão em que o Maior Erro da Sua Vida, Cassidy Somers, aceita um emprego lá como faz-tudo. Ele é um garoto rico da cidade grande, e ela é filha de uma faxineira que trabalha para os veranistas da ilha. Gwen tem medo de que esse também venha a ser o seu destino, mas, justamente quando parece que ela nunca vai conseguir escapar do que aconteceu – ou da ilha –, o passado explode no presente, redefinindo os limites de sua vida. Emoções correm soltas e histórias secretas se desenrolam, enquanto Gwen passa um lindo e agitado verão lutando para conciliar o que pensou que fosse verdade – sobre o lugar onde vive, as pessoas que ama, e até ela mesma – com o que de fato é.


Oi gente!

Entrei em um projeto muito bacana, junto com a Editora Valentina, sobre o livro Pensei que fosse verdade, que é o “Vamos ler juntos”? 

O livro é o segundo da autora e pode ser lido fora de ordem. Então, bora falar sobre o livro.

Aqui conhecemos a Gwen, uma adolescente de 17 anos que mora em uma ilha, onde o foco é o turismo. Por isso, quando a ilha está fora de temporada, só ficam os habitantes mesmo abastecidos, por assim dizer. Ela é filha de pais solteiros, sua mãe é a faxineira da ilha e o pai tem uma lanchonete. Sempre ajudava seu pai quando estava de férias, mas agora, precisa de outra coisa. Sua mãe consegue um trabalho como acompanhante para uma senhora que está passando por alguns problemas.

A lenda de um feroz lobisomem e uma encantadora vampira – improváveis almas gêmeas cuja paixão testará os limites da vida e da morte.
Um incansável guerreiro mítico. Nada o deterá até que possua a...
Depois de suportar anos a fio torturas constantes comandadas pela Horda dos vampiros, Lachlain MacRieve, líder do clã dos Lykae, fica enfurecido ao descobrir que sua parceira, há tanto tempo profetizada e pela qual espera há mais de um milênio, é uma vampira, assim como seus captores. Na verdade, Emmaline Troy é metade Valquíria, metade vampira. Jovem delicada e etérea que, com seu jeito todo especial de ser, é a única que pode suavizar a fúria que incendeia o faminto Lykae.
Uma vampira prisioneira de sua fantasia mais selvagem...
A doce Emmaline decide sair pelo mundo em busca da verdade sobre seus pais desaparecidos. Em Paris, um poderoso espécime Lykae a encontra, determina que ela será a sua parceira por toda a eternidade e a leva para o castelo escocês dos seus ancestrais. Lá, o pavor que Emmaline sente do Lykae – e da sua insaciável fome de prazer – faz com que ele inicie um lento e envolvente jogo de sedução e ela liberte suas mais sombrias fantasias.

Oi gente, tudo bem com vocês?

Eu estou ótima e muito ansiosa para contar sobre o livro Desejo Insaciável para vocês. Todo mundo sabe que não leio sobrenatural. Quer dizer, já li alguns poucos, e sempre do mesmo assunto: shifters de lobos. Aí, quando vi a capa maravilhosa que a Valentina lançaria, fiquei excitadíssima para lê-lo.